SANTO VIVO - ESTUDOS BÍBLICOS
Liberdade em Cristo

LIBERDADE EM CRISTO (Livre Estou)

J. DIAS


Uma pessoa comentou que os crentes cantam um  hino que diz: “Livre estou, livre estou, pela graça de Jesus livre estou”.

Mas a pessoa queria mostrar que havia uma contradição na mensagem contida na letra deste Hino. Ela disse que nós cantamos: “livre estou”, mas a Bíblia diz que nós somos escravos de Jesus. É verdade, ela tem razão, os cristãos são servos do Senhor Jesus, que quer dizer escravos.

Só que o contexto da letra deste hino diz o seguinte: “Eu andava pela senda de horror, oprimido pelo pecado e temor”. Quer dizer nós éramos escravos de Satanás, e passamos a ser servos de Jesus. E só existem duas alternativas: ou a pessoa é escrava do diabo ou escrava de Jesus.

Quantas pessoas se achavam felizes, vivam em festas, bebidas à vontade, sexo livre, drogas de todos os tipos e tudo o que eles chamam de liberdade, e hoje se encontram jogadas na rua, sem esperança alguma, esperando a morte chegar, como dizia Raul Seixas. Quantas jovens mães solteiras, sem saber o que fazer com o filho inesperado. Quantos milionários, que tem tudo para viverem felizes, vivem uma vida de desespero, uma família cheia de conflitos. Estes são os servos de Satanás.

Quem é escravo de Jesus recebe amor, carinho, compreensão, segurança e garantia que nunca será abandonado “Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós (João 14:18)”. Ele nos concede liberdade, e diminui nossa carga de problemas. Liberta das drogas, da prostituição, recuperando famílias e desfazendo inimizades. Jesus nos pede que coloquemos nossos problemas sobre Ele: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve" (Mateus 11:28-30). Promove-nos a seus amigos se fizermos o que ele manda. Que patrão é este que só por sermos obedientes passa a nos considerar como amigos? Mas Ele declarou isto: "Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer" (João 15:14-15).

Quem não quiser continuar sendo escravo do pecado, precisa urgentemente aceitar a Jesus como seu Senhor e Mestre. Ter Jesus como Senhor é algo maravilhoso. Ele faz tanto por nós que nos deixa constrangidos, com seu amor, sua graça, sua infindável misericórdia. Ele nos dá a certeza de salvação, a certeza de no futuro estarmos juntamente com Deus na glória eterna, que é a esperança dos salvos.

Então não tenha medo de ser escravo de Jesus. Servindo ao outro lado você carrega um fardo pesado de angustia, tristeza, desespero, falta de esperança e incerteza quando ao seu futuro. Servindo a Jesus seu fardo passa a ser leve, porque Ele não te deixa carregar os problemas sozinho. Está sempre ao seu lado, ajudando, incentivando e mostrando saída para situações que muitas vezes nós não enxergamos. Não estou dizendo que quem segue a Jesus não tem problemas, não seria verdade. Temos problemas sim! A grande diferença é que nós sabemos que temos um amigo poderoso a quem podemos recorrer.

Ele não foi morrer na cruz só por alguns, o sacrifício dele foi para que todos tivessem direito a salvação, todos pudessem ser perdoados por Deus, já que Ele tomou sobre si as nossas iniqüidades.

Basta confessarmos que o aceitamos como nosso único e suficiente salvador, para passarmos a fazer parte do seu grupo de amigos.

Editor do Site

www.santovivo.ne 



 FALE CONOSCO/PERGUNTA BÍBLICA

CANAL DE BENÇÃO